nunca gostei de contas. não tenho jeito para frases nem para contar histórias. sou tão estranho como Marte, gosto de coisas pouco prováveis, que me tirem o fôlego e me deixem cansado. desejo sempre tanto sonhar coisas impossíveis, e almejo para mim outro tanto. o meu coração é um passaro que voa, mas sempre com cuidado, pois ama sempre muito. bate a um ritmo que me complica, e tenho uma vontade que não passa, desejos que nunca os alcanço e palavras que nunca dormem. não sou fácil mas não colecciono inimigos. sou tão ocupado mesmo fazendo o nada, quase nunca estou para alguém e mudo de humor conforme a lua.tenho o desassossego no bolso, colecciono sonhos, guardo em mim um par de asas que nunca deixo. voo com as ondas e mergulho nas nuvens. deito-me quando é tarde, muito tarde da noite, e viajo. e sempre sem saber procuro respostas que não, nunca as encontro!

5 comentários:

Daniel Silva (Lobinho) disse...

LINDO BRUTAL

PARABÉNS

hugs :)

Cristina Machado disse...

simplesmente lindo :)
adorei este texto acho que tens muito jeito para escrita mas isso é só uma opinião minha :$
identifico-me muito com este texto e não resisti em comenta-lo consigo ver-me em cada linha que escreves... :$
adorei !! parabéns
um sorriso :)

Nuno Miguel disse...

Olá João, espero que estejas bem.

Faz algum tempo que não visitava o teu blog. Nem sei se estou autorizado a fazê-lo, visto que as minhas aparições nem sempre trazem bons ventos...
Gostei muito deste texto, até porque também sou estranho, até porque, como sabes, “não sou fácil”! Tal como te consideras, também eu “sou tão ocupado mesmo fazendo o nada, que quase nunca estou para alguém e mudo de humor conforme a lua”, tenho asas: alguém disse que eu era gaivota e assim me considero, o desassossego é meu irmão e os sonhos… meus filhos. Conheço bem a tua escrita, mas ainda me consegues surpreender pela positiva, gostei de cá vir, de ler e reler alguns textos. Parabéns, continuas uma boa pessoa :P
Foi um bom momento vir até aqui, mas agora tenho de estudar, os profs. não perdoam lol
Deixo-te com um abraço.

MollieBar disse...

"o meu coração é um passaro que voa, mas sempre com cuidado, pois ama sempre muito."
"tenho o desassossego no bolso"

dizer que gosto é dizer palavras que ficam perdidas, a mais.

JoanaPeixoto disse...

Adoreii :$

Beijinhos

Mensagens populares